Rio Grande do Sul

Show ao vivo

Luana Fernandes apresenta o show Lua de Outubro nesta quinta no Teatro CHC Santa Casa

Cantora e compositora vem divulgando seu álbum de estreia que tem produção e direção musical de Ricardo Cordeiro

Brasil de Fato | Porto Alegre |
Com músicas que transitam pela MPB e Pop, Luana Fernandes afirma seu vínculo com a poesia modernista e a percepção feminina que reflete toda a sua subjetividade - Foto Leandro dos Reis

A cantora e compositora Luana Fernandes apresenta o espetáculo "Lua de Outubro", nome do seu disco de estreia, nesta quinta-feira (28), às 20h, no Teatro CHC Santa Casa, em Porto Alegre. O show terá a participação especial de Negra Jaque e Marietti Fialho.

Serão vendidos ingressos para a apresentação presencial e virtual. A transmissão acontece ao vivo pelo YouTube, com as instruções de acesso sendo fornecidas pela organização próximo ao início do evento.

Canais de comunicação da artista: Instagram / Facebook

Luana vem percorrendo o Brasil divulgando seu álbum de estreia, que tem produção e direção musical de Ricardo Cordeiro. No semestre passado, viveu uma temporada no Rio de Janeiro e, recentemente, foi premiada no 56º FEMUP de Paranavaí, no Paraná, com a música "Mulher África", de sua autoria. A mesma canção também está na final do VII FECANT de Altamira no Pará.

Cantora, compositora e publicitária, Luana Fernandes compartilhou seu processo de criação e produção do seu primeiro álbum em suas redes sociais, por meio do “Papo de Lua”, série de vídeos que buscavam aproximar a artista de seu público. Ela define o CD “Lua de Outubro”, com 15 faixas, como a síntese de uma trajetória artística iniciada, ainda criança, em Camaquã, sua terra natal. A faixa-título é uma composição de seu pai, Catullo Fernandes, e Ricardo Cordeiro.


:: Clique aqui para receber notícias do Brasil de Fato RS no seu Whatsapp ::

SEJA UM AMIGO DO BRASIL DE FATO RS

Você já percebeu que o Brasil de Fato RS disponibiliza todas as notícias gratuitamente? Não cobramos nenhum tipo de assinatura de nossos leitores, pois compreendemos que a democratização dos meios de comunicação é fundamental para uma sociedade mais justa.

Precisamos do seu apoio para seguir adiante com o debate de ideias, clique aqui e contribua.

Edição: Katia Marko